Skip to Store Area:

Editora Terceiro Nome

Você está agora em:

Um táxi para os bichos de pelúcia

Mais Visualizações

Um táxi para os bichos de pelúcia

Enviar para um amigo

Seja o primeiro a comentar este produto

Disponibilidade: Em Estoque.

R$32,90
Acrescentar itens ao carrinho Adicionar ao Carrinho

Descrição Rápida

Autor Juan Villoro
Páginas 40
ISBN 978-85-7816-194-1
Formato 14 x 19,5 cm
Acabamento Brochura


Nem Uber, nem 99: o novo livro infantil do premiado autor mexicano Juan Villoro leva bichos de pelúcia para passear no táxi-Cucodrilo

Você sabia que quando deixamos nossos bichos de pelúcia sozinhos, eles se metem em aventuras incríveis? Pois foi o que aconteceu com Lourenço Orelhas, um coelho de pelúcia que vivia feliz com a menina Natália até que, num dia de muita chuva, ele escapou da mão dela e caiu num bueiro.

Lá, nos canais que ficam debaixo da cidade, ele descobriu um mundo onde vivem bichos de pelúcia perdidos. Seus novos amigos eram ursos, tartarugas, camundongos, papagaios, pinguins, cachorros, tigres, golfinhos, cobras e gatos de pelúcia que iam de um lado a outro levados por um táxi verde, formado pela longa cauda de um crocodilo.

Mas Lourenço, mesmo rodeado por seus novos amigos, sentia muita falta da menina Natália. Será que ele vai conseguir matar a saudade que sente dela?

Neste livro, Juan Villoro, um dos mais importantes escritores mexicanos contemporâneos, desvenda esse mistério!

Sobre o autor

Juan Villoro, é um dos maiores, senão o maior escritor mexicano da atualidade. Aliás, essa afirmação é fácil de confirmar: ele mede quase dois metros de altura. Acontece que ele é também um dos maiores em todos os sentidos, e confirmar isso é igualmente fácil: basta ler o que ele escreve. São romances, contos, ensaios, histórias infantojuvenis e peças de teatro – e tudo que Villoro faz tem recebido a admiração e o carinho dos leitores e grandes elogios da crítica.

Alguns de seus livros, como os romances Llamada de Amsterdam, El testigo e Arrecifes, os contos de La noche navegable e Los culpables e também seus livros infantojuvenis, como O estádio dos desejos (publicado pela Terceiro Nome), estão entre os mais bem-sucedidos da sua geração de autores latino-americanos.

Embora tenha diploma de sociólogo, um amplo e vasto trabalho jornalístico e uma trajetória profissional consistente e variada, ele é muito brincalhão e gosta de viajar, comer quesadillas, abrir caixas misteriosas e olhar nos olhos das crianças para descobrir se ali se esconde uma história.

Desde pequeno, quando perdeu seu brinquedo favorito, Juan Villoro se pergunta se existe um refúgio para brinquedos perdidos. Foi assim, buscando uma resposta, que nasceu a ideia de escrever este Um táxi para os bichos de pelúcia, uma divertida aventura que se passa nos canais que percorrem o subterrâneo das cidades.

 

Acrescentar suas Tags:
Acrescentar Tags
Utilize espaços para separar tags. Utilize aspas simples (') para frases.